fbpx

CHEGOU O FIM DE ANO? E AGORA?

Francisco Almeida Francisco Almeida dezembro 4, 2019 0 Comments

Mais uma ano se passou… último bimestre e o que fica apenas são as lembranças de aulas que não se concretizaram, planejamentos que não fluíram, habilidades da BNCC que não foram aplicadas? Será?

Em comparação com outras áreas de trabalho, lecionar possui uma dinâmica particular: o educador sabe que tem um ano pra concluir o seu trabalho, que no caso é o estudante, tem um ano para trabalhar diversas habilidades da BNCC, cumprir os prazos das Avaliações ou Simulados Específicos, seguir os conteúdos do currículo do ano e isso vai além, em média mais de 20 pessoas por turma ou conteúdo vezes a quantidade de salas. Sim, se o educador enxergar cada ser humano como um diamante terá uma centena de joias para lapidar. E sem tempo, se frustra quando chega dezembro e se depara com notas baixas, comportamentos de esquiva, desmotivação com o fechamento do ano e ânsia dos estudantes por fim de aulas.

Pense e reflita:

Você faz um desenho em um caderno e, se não gostar, rasga. Você conserta um carro e se não der certo troca a peça. Ou até o carro inteiro. E o estudante? Vai trocar de escola? Pra outra que tem estudantes? Vai escolher outra sala?

Pois é, enxergar que professor é depressivo, é desmotivado é fácil, falar então….mais ainda.

Porém pense que nesse fim de ano agora muitos educadores verão seus frutos e “desenhos” de um ano se desmancharem…e os que virarão murais serão, talvez, o que os farão aceitar mais um ano que começará em Janeiro, mais um diamante, mais um desenho.

Então, deseja-se que cada educador veja que seu trabalho tem importância, por mais que pareça um rio seco, sim tem importância, pois de uma flor, pode sair um aroma que encantará multidões.

Acredite, é possível. Com planejamento, com consciência do valor do entendimento das habilidades, do Papel do Educador do Século XXI, do Estudante protagonista é possível sim.

Francisco Almeida
AboutFrancisco Almeida
Pós-graduado em Gramática pela Universidade UNITAU; pós-graduado em Docência do Ensino Superior e formado em Letras (Português/Inglês) pela UNIP; formado em violão popular e violão clássico pelo instituto de Música Talentu´s. Atua como Assessor Pedagógico e Redator Publicitário na Maestro Assessoria Educacional. Possui experiência no ensino de violão e de teoria musical, também possui experiência como professor no ensino fundamental II e cursinho preparatório. Já atuou como Redator publicitário e revisor em agência de marketing e como gestor de conteúdo em escritório de Coach. Atualmente, tem como projeto ampliar seus estudos, com o ingresso no Mestrado na área de Semiótica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *